Textos, imagens, documentos e resumos da História do Brasil


Expedição Colonizadora de Martim Afonso de Sousa

Martim Afonso de Sousa foi enviado ao Brasil pela corte portuguesa para dar início à colonização do Brasil.

Fundação de São Vicente (obra de Benedito Calixto) - expedição colonizadora de Martim Afonso de Sousa
Fundação de São Vicente (obra de Benedito Calixto) - expedição colonizadora de Martim Afonso de Sousa

 

Contexto histórico

 

De 1500 a 1530, a coroa portuguesa não teve interesse em colonizar o Brasil. Participou e incentivou apenas a exploração do pau-brasil na faixa litorânea brasileira. Os portugueses que participavam desta atividade econômica não fixavam residência no Brasil, faziam seu trabalho e voltavam para Portugal. Este período é conhecido como Pré-Colonial.

 

As expedições que Portugal enviava ao Brasil neste período tinham como função a construção de feitorias no litoral e o reconhecimento territorial.

 

Porém, com a presença de piratas e navegadores de outras nações (holandeses e franceses), o rei D. João III percebeu que era necessário ocupar, colonizar e explorar sua colônia através, principalmente, da agricultura.

 

A expedição colonizadora de Martim Afonso de Sousa


Em janeiro de 1531 chegou ao Brasil a expedição de Martim Afonso de Sousa. D. João III (“O Colonizador”), a enviou para o Brasil com o principal objetivo de colonizar a recém-descoberta colônia. A expedição era composta por cerca de 400 homens (colonos e tripulantes), que trouxeram sementes de cana-de-açúcar, instrumentos agrícolas, mudas de plantas e animais domesticados.

 

Com o cargo de capitão-mor, Martim Afonso tinha como missão proteger o litoral contra invasões estrangeiras, aplicar a justiça, estabelecer núcleos de povoamento, nomear funcionários, buscar novas riquezas (pedras e metais preciosos) e administrar o território.

 

Principais realizações de Martim Afonso de Sousa

 

- Distribuiu terras (sesmarias) aos colonos, que deveriam cultivá-las.

 

- Fundou, em 1532, a vila de São Vicente (no atual litoral do estado de São Paulo).

 

- Combateu piratas franceses, chegando a capturar navios.

 

- Começou o cultivo da cana-de-açúcar no Brasil.

 

- Criou o primeiro engenho de açúcar do Brasil (Engenho do Governador), na ilha de São Vicente (litoral paulista).

 

- Estabeleceu o domínio português na região da foz do rio da Prata, que estava sendo controlada por espanhóis.

 

Retorno a Portugal

 

Martim Afonso de Sousa retornou para Portugal em 1533, pois a coroa portuguesa estava planejando um novo sistema administrativo para o Brasil, com o objetivo de acelerar o processo de ocupação do território brasileiro: Este novo sistema ficou conhecido como Capitânias Hereditárias.



___________________________________

Última revisão: 11/06/2021.


Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).


 

Fontes de pesquisa utilizadas na elaboração do artigo:

 

- BUENO, Eduardo. Brasil, uma História. São Paulo: Leya, 2018.

- MESGRAVIS, Laima. História do Brasil Colônia. São Paulo, SP: Contexto, 2015.

 

Bibliografia Indicada sobre o tema:


Diário de Navegação - Pero Lopes e a expedição de Martim Afonso de Sousa

Autor: Maranhão, Ricardo

Editora: Terceiro Nome



Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor. Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2005 - 2021 História do Brasil.Net Todos os direitos reservados.